Tag : notícias

6 posts

Nunca mais Kiss! – Denuncie boates irregulares pela internet!

nunca mais kiss

A tragédia da Boate Kiss atingiu milhares de gaúchos com a triste notícia de que uma grande quantidade de jovens haviam morrido em um incêndio causado pelas irregularidades do local. O Instituto Tolerância teve a inovadora ideia de criar um portal onde todos podem denunciar as irregularidades de alguma boate que conheçam.

Isso irá facilitar e muito o trabalho de quem as regulariza, além de ajudar a manter a ordem e segurança de quem procura se divertir. O Instituto adverte aos usuários: “O frequentador de um bar ou casa noturna que identificar problemas com extintores de incêndio, saídas de emergência, alvará de prevenção e proteção contra incêndio, lotação máxima, luzes e sinalização de emergência ou outra questão importante poderá tomar três medidas: 1ª) entrar imediatamente em contato com a gerência da casa para que o problema seja solucionado; 2ª) ligar para o Corpo de Bombeiros; ou 3ª) usar o website para fazer uma denúncia.”

No site, o sistema é bem simples: você preenche seus dados e vai indicando o que encontrou de irregularidades no local.

nunca mais kiss boate kiss rs

O Projeto NUNCA MAIS KISS será, portanto, um trabalho cooperativo entre as instituições para ampliar a conscientização das pessoas e a capacidade de fiscalização de bares e casas noturnas no Estado do Rio Grande do Sul, visando a prevenção de situações de risco. Ajude também a espalhar esta mensagem, pois isto pode salvar vidas!

Acesse o portal:
• Nunca mais Kiss


Stardoll está sendo processado na Suécia!

Na Suécia, o tribunal está investigando incessantemente o Stardoll, pois eles alegam que o site está fazendo um “marketing” agressivo contra as integrantes, em cima dos menores de idade.

Devido a isso o Stardoll está sofrendo uma multa de 1 milhão de coroas – que equivale aqui no Brasil á $318,600 +- ! O site decide que logo irá tirar o site do ar na Suécia!

Diretor Executivo do Stardoll

O diretor executivo do Stardoll disse:

“Eles estão nos dizendo que não pode enviar mensagens diretas para as caixas de entrada dos jogadores, o que eles dizem é o equivalente de envio de ofertas e promoções para as casas das pessoas.”

 

Segundo o tribunal da Suécia, eles estão usando a propaganda Stardoll de uma forma agressiva para as dolls menores de idade no jogo, ou seja, elas induzem as crianças a comprar cada vez mais e mais!Liza, doll da investigação

O tribunal resolveu investigar o jogo e criou uma doll chamada LIZA  para melhor adaptação.

Segundo eles, quando foram criar a conta o Stardoll disse que Liza só poderia ser cadastrada com o e-mail do pai/mãe por ser menor de idade.
Até aí, tudo bem, mas somente com o e-mail (que pose ser até falso), Liza se cadastrou no site, e pode fazer qualquer tipo de compra sem a autorização dos pais, ou seja, os pais não receberiam e-mail de confirmação, muito menos de compras!

“Só se o pai sente que há razão para desconfiar da carta enviada a eles e ao ler o contrato do usuário eles vão ver que o Stardoll envia marketing para a criança e que a criança pode comprar coisas no site.”

Depois de cadastrada nossa querida amiga Liza viu o vídeo tour, que dizia as vantagens da associação SuperStar.
O vídeo sugere, de acordo com a interpretação da Agência, que Liza poderia jogar sem pagar nada porém seria uma doll “simples”, e triste, como a boneca do vídeo se resume.

É possível optar por sair e continuar a jogar como um jogador normal, a agência notou, mas a partir daí, depois, a vida de Liza na comunidade virtual é atormentado por armadilha depois de armadilha.

Por exemplo, a agência apontou, quando Stardoll seduziu “Liza” com os presentes, quando ela tenta abrir diz que para abrir o presente ela tem que ser SS.

Quando “Liza” finalmente manda um SMS para obter mais crédito no site, ela recebeu a seguinte resposta: “Seja uma Superstar por mais tempo ainda Comprar semanas adicionais agora.”

O diretor executivo encerrou dizendo:

“Eu realmente não sei o que vamos fazer agora.”

E agora, Stardoll?
Créditos da notícia a Stardoll BR, adaptação, a mim!


PAGE TOP
Pular para a barra de ferramentas