Tag : choque

2 posts

Nossa casa

casa[

Um velho carpinteiro estava para se aposentar. Ele contou a seu chefe os seus planos de largar o serviço de carpintaria e de construção de casas e viver uma vida mais calma com sua família.

Claro que ele sentiria falta do pagamento mensal, mas ele necessitava da aposentadoria. O dono da empresa sentiu em saber que perderia um de seus melhores empregados e pediu a ele que construísse uma ultima casa como um favor especial.

O carpinteiro consentiu, mas com o tempo era fácil ver que seus pensamentos e seu coração não estavam no trabalho. Ele não se empenhou no serviço e se utilizou de mão de obra e matérias primas de qualidade inferior. Foi uma maneira lamentável de encerrar sua carreira.

Quando o carpinteiro terminou seu trabalho, o construtor veio inspecionar a casa e entregou a chave da porta ao carpinteiro. “Esta é a sua casa”, ele disse, “meu presente a você.”

Que choque! Que vergonha! Se ele soubesse que estava construindo sua própria casa, teria feito completamente diferente, não teria sido tão relaxado. Agora ele teria de morar numa casa feita de qualquer maneira.


Por que os pássaros não tomam choque em fios elétricos?

passáros no fio

Segundo o professor de física do Cursinho da Poli Bassam Ferdinian, os pássaros não tomam choque porque a distância entre as patas dos animais não é suficiente para gerar uma diferença de potencial (DDP) capaz de eletrocutá-los.

Ou seja, para que o pássaro tome um choque, é necessário que a corrente elétrica circule pelo seu corpo, gerando uma diferença de potencial. É assim que funcionam os aparelhos elétricos, que só são ativados quando há uma diferença de potencial entre os pontos em que esteja ligado para que as cargas elétricas possam se deslocar.

Agora, se um ser humano resolver agarrar (com ambas as mãos) um fio elétrico sem estar isolado, é muito provável que ele tome um choque. “A distância entre as mãos de uma pessoa é suficiente para gerar uma diferença de potencial e, conseqüentemente, tomar um choque”, disse Ferdinian.

DDP
A diferença de potencial (DDP) ou o desnível de energia potencial ocasiona o deslocamento espontâneo de cargas ao nível do campo elétrico onde atuam forças que realizam trabalho. Ou seja, é através dele que a energia elétrica faz motores funcionarem e lâmpadas acenderem. Ou gera um tremendo choque.



PAGE TOP
Pular para a barra de ferramentas