Nossa-Senhora-AparecidaNo ano de 1717, na localidade de Guaratinguetá, três pescadores, Domingos Garcia, João Alves e Felipe Pedroso, lançaram suas redes no Rio Paraíba por horas e horas, sem pescar um único peixe. Repentinamente a rede de João Alves trouxe o corpo da imagem de uma Santa, sem a cabeça. Momentos depois, a cabeça da imagem também veio a bordo. A partir daquele momento os três pescadores quase afundaram suas canoas, tal foi a quantidade de peixes que pescaram. O milagre da pesca foi atribuído a Santa. Ao limparem a imagem, perceberam que era Nossa Senhora da Imaculada Conceição, de cor escura. A imagem foi coberta por um manto e colocada num altar improvisado na casa de Felipe Pedroso, local onde eram feitas as orações diárias. Logo a Santa passou a ser venerada pela família e também por outras pessoas. Com o passar do tempo, diversos milagres foram sendo atribuídos a imagem da Santa. A devoção foi aumentando e a imagem passou a ser chamada pelo povo de Senhora da Conceição Aparecida, Aparecida das águas .No ano de 1732 foi construído o primeiro oratório e os prodigiosos poderes de Nossa Senhora Aparecida foram se espalhando até atingir todos os recantos do Brasil. No ano de 1888 houve a benção do primeiro templo que existe até hoje, e que é conhecido como Basílica Velha. A primeira peregrinação até o templo, foi registrada em 1900. Atualmente são milhões de peregrinos vindos de todas as partes do Brasil bem como de outras Nações, especialmente das Américas. Em 1980, o Papa João Paulo II, quando de sua visita ao Brasil, consagrou pessoalmente, a atual Catedral Basílica de Aparecida. Nossa Senhora Aparecida foi proclamada a Padroeira Oficial do Brasil pelo Papa Pio XI, no ano de 1930; e o dia de sua festa, 12 de outubro, é considerado feriado nacional desde 1988.