namorados

Bom, segundo a nossa mitologia tupiniquim, nossa celebração tem uma origem menos açúcarada e mais bem-humorada. Acredita-se que o surgimento do Dia dos Namorados tenha sido uma criação do publicitário João Dória (da Agência Standard Propaganda), em 1948, em São Paulo.

coração

Para melhorar as vendas de junho, que era um mês fraco para o comércio, o publicitário, com o apoio da Confederação de Comércio de São Paulo, criou a data com o slogan: “Não é só de beijos que se prova o amor”. A Agência Standard ganhou o título de agência do ano. Para a alegria dos namorados em geral e dos comerciantes, é claro, o slogan tornou-se tradição.

namorados

Seja qual for a verdadeira origem da data, ela está aí. Então, tudo que nos resta é comprar flores, escrever bilhetinhos, assistir a um filminho romântico e comer pipoca sob os lençóis. E para quem não tem namorado (a), nem tudo está perdido!

pescaria do amor